Eu respirei o mundo inteiro, e isso entrou pelos meus cinco sentidos.

Há uma variedade de lembranças, sensações, impressões... e é com isso que eu construo a minha literatura.

Fotografia: Adriano Franco

© Maria Valéria Rezende - 2018 | Desenvolvido por: Atua Comunicação Criativa